Terceirização cresce na Regap Terceirização cresce na Regap

Diversos, Notícias | 14 de novembro de 2013

O PL 4330/2004  pode voltar a qualquer momento à pauta da Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJC). O projeto, que é favorável a terceirização,  ameaça os direitos e conquistas da classe trabalhadora. Seguindo essa lógica, a Petrobrás/Regap vêm entregando às “gatas” unidades importantes da refinaria.  Na manutenção, todos os setores têm um grande número de trabalhadores de empreiteiras. Na vigilância e no armazém, a mão de obra já foi terceirizada. Esses dois setores estão sendo comandados pelo Compartilhado e não são subordinados à Regap.  Tudo indica que a direção da Petrobrás pretende fazer isso com outras áreas da refinaria. Com isso, as empreiteiras estão assumindo de fato o controle da Petrobrás. Além disso, vão faturar alto às custas da exploração dos trabalhadores. Não podemos permitir que essa política avance na Petrobrás e na Regap. Por isso, o Sindipetro/MG pede a todos os petroleiros, que denunciem  ao sindicato quando perceberem que querem terceirizar o seu setor.  Estamos na luta para reverter as terceirizações do armazém e da vigilância. Vamos ficar atentos para não permitir que novas venham a ocorrer. Cada um de nós é importante nessa luta.

PROCURE UM DIRETOR DO SINDIPETRO/MG E DENUNCIE!

Sindipetro/MG

Terceirização cresce na Regap