Trabalhador morre após ter 60% do corpo queimado em acidente na Termelétrica do RJ Trabalhador morre após ter 60% do corpo queimado em acidente na Termelétrica do RJ

Diversos, Notícias | 27 de fevereiro de 2015

No domingo, dia 22 de fevereiro, mais um trabalhador perdeu a vida após um grave acidente no Sistema Petrobrás. Rodrigo Antônio de Oliveira (41) sofreu queimaduras em 60% do corpo após ser atingido por condensado de vapor em alta temperatura e não sobreviveu aos ferimentos. Ele era técnico de operação sênior na Termelétrica Barbosa Lima Sobrinho, no Rio de Janeiro, onde trabalhava como supervisor de operação.

O acidente aconteceu no dia 11 de fevereiro durante a partida da caldeira de recuperação, quando o supervisor e técnicos de operação verificavam um possível vazamento na válvula PSV. A existência do condensado em local inesperado e a purga não prevista, são, a princípio, as causas do acidente. Uma comissão foi formada para averiguar o ocorrido.

O Sindipetro/MG lamenta a perda e se solidariza com os familiares e amigos. Este é o segundo acidente em 2015 que resulta em morte no Sistema Petrobrás. Portanto, exigimos que a empresa dê aos trabalhadores as condições seguras de trabalho e que a política de SMS seja eficaz, agindo de forma preventiva, para que acidentes como este sejam evitados.

Sindipetro/MG

Trabalhador morre após ter 60% do corpo queimado em acidente na Termelétrica do RJ