Sindipetro/MG faz protesto no Aeroporto de Confins contra o PLS 131. Votação está prevista para hoje, 7 Sindipetro/MG faz protesto no Aeroporto de Confins contra o PLS 131. Votação está prevista para hoje, 7

Diversos, Notícias | 7 de julho de 2015

Está prevista para hoje, dia 7, a votação do Projeto de Lei (PLS 131/2015) do tucano José Serra, que tira da Petrobrás a condição de operadora única do pré-sal  e o mínimo de 30% de exploração dos blocos concedidos. Para pressionar os senadores a votarem contra o projeto, o Sindipetro/MG com o apoio dos movimentos sociais MAB e Levante Popular realizaram na manhã desta terça-feira, 7, um ato no Aeroporto de Confins. A manifestação durou cerca de três horas, onde foi feita a distribuição de 2 mil jornais com dados e informações que alertam a sociedade sobre a importância de manter a Petrobrás no controle da exploração do pré-sal. A mesma manifestação está acontecendo nos principais aeroportos do país. 

Lei da Partilha x Projeto de Serra

De acordo com a Lei de Partilha nº 12.351, de 2010, a Petrobrás tem que entrar com ao menos 30% dos investimentos na perfuração dos blocos e é a operadora única do pré-sal. O projeto do senador José Serra permite a exploração pela iniciativa privada sem participação da estatal. A mobilização da categoria petroleira não pode parar. Entregar o pré-sal é tirar do povo brasileiro os investimentos da saúde e educação e comprometer a soberania nacional. Durante a V Plenafup, a categoria aprovou um calendário de luta para barrar o projeto de Serra e contra os desinvestimentos anunciados no Plano de Negócios da Petrobrás. As assembleias em Minas Gerais para apreciação da pauta começará no próximo domingo, dia 12.

Sindipetro/MG 

 

 

 

Sindipetro/MG faz protesto no Aeroporto de Confins contra o PLS 131. Votação está prevista para hoje, 7