Após cobrança da FUP, Petrobrás marca nova rodada de negociação Após cobrança da FUP, Petrobrás marca nova rodada de negociação

Diversos, Notícias | 23 de setembro de 2016

Após cobrança da FUP, a Petrobrás confirmou nesta sexta-feira (23) uma nova rodada de negociação do Termo Aditivo do Acordo Coletivo de Trabalho 2015/2017 para o dia 29 de setembro, às 14h, no Rio de Janeiro.

Até o momento, as assembleias realizadas em outros estados estão rejeitando por unanimidade a proposta apresentada pela empresa, que congela a tabela salarial, altera a jornada de trabalho com redução de salário e reduz direitos conquistados, como a remuneração das horas extras e o auxílio alimentação.

Além disso, a Petrobrás insiste em descumprir pontos do acordo coletivo e compromissos assumidos com as entidades sindicais, como a implantação do ATS dos trabalhadores da Fafen-PR, a recomposição dos efetivos, o restabelecimento do Benefício Farmácia, a retomada do convênio com o INSS, o recálculo do BPO, entre outros.

Em Minas Gerais, as assembleias terão início no próximo domingo (25) com os trabalhadores da Regap e da Termelétrica Aureliano Chaves. Além da proposta, a categoria também decidirá sobre a aprovação ou não do estado de greve, do estado de assembleia permanente e sobre realização da “Operação Para Pedro”, que consiste no cumprimento rigoroso de todos os itens de segurança operacional e denúncia de quem descumprir s medidas ou assediar os trabalhadores.

Após cobrança da FUP, Petrobrás marca nova rodada de negociação