Trabalhador não pode ter ônus para realizar periódico Trabalhador não pode ter ônus para realizar periódico

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 7 de junho de 2019

O Sindipetro/MG orienta aos trabalhadores da Petrobrás que não realizem exames periódicos em suas folgas ou se desloquem sem o transporte providenciado pela empresa.

É obrigação da Petrobrás arcar com o ônus da realização de exames médicos periódicos, conforme determina o artigo 168 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) e a Norma Regulamentadora 7 (NR-7), do Ministério do Trabalho.

Isso significa que os exames periódicos devem ser realizados por conta do empregador e não podem ser agendados para dias de folga do empregado.

A pressão por parte de alguns gestores para que os trabalhadores façam exames periódicos durante sua folga foi objeto de denúncia do Sindicato em duas reuniões com a gerência de RH: a primeira em 2018 e a segunda em abril deste ano.

Outras refinarias do Sistema Petrobrás também denunciam a situação, o que indica que tem sido uma orientação da atual gestão.

Aqueles que sentirem pressionados ou assediados pelas gerências, devem procurar os diretores, ou o departamento jurídico do Sindicato ou ainda enviar uma denúncia ao e-mail imprensa@sindipetromg.org.br.