Solidariedade: Sindipetro/MG doa vale gás de cozinha no 1º de maio Solidariedade: Sindipetro/MG doa vale gás de cozinha no 1º de maio

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 29 de abril de 2020

O Sindicato dos Petroleiros de Minas Gerais – Sindipetro/MG vai doar vale gás de cozinha para 100 famílias de ocupações urbanas de Belo Horizonte, em comemoração ao Dia do Trabalhador. A ação integra a campanha Petroleiros pela Vida e faz parte das atividades da campanha nacional Periferia Viva e do 1° de Maio Solidário da CUT/MG.

De acordo com o diretor do Sindipetro/MG Felipe Pinheiro a orientação da CUT Nacional é dar destaque as ações de solidariedade em suas bases durante o feriado. “Aqui, em Belo Horizonte, nós vamos nos unir às ações da CUT e da Frente Brasil Popular atuando em comunidades periféricas”, afirma o diretor.

Felipe Pinheiro ressalta também a preocupação do Sindicato em executar as atividades de forma segura, obedecendo as normas de saúde. “As entregas serão feitas para famílias cadastradas pelo movimentos sociais parceiros, por meio de pequenos grupos em cada casa. Todos estarão usando máscara e manterão a distância mínima para garantir o apoio a essas famílias sem ser agente transmissão do coronavírus”.

Petroleiros Pela Vida

Petroleiros Pela Vida é uma campanha luta por um isolamento social com dignidade. Além do fornecimento de gás de cozinha, leva cestas básicas e produtos de higiene e vale gás de cozinha para as regiões periféricas Região Metropolitana de Belo Horizonte. Para contribuir, acesse:  https://www.vakinha.com.br/vaquinha/petroleiros-pela-vida

Desabastecimento

A ação também é um protesto contra o preço abusivo do gás de cozinha e a ameaça de desabastecimento em meio à pandemia da Covid-19. O Sindipetro/MG defende que a Petrobrás cumpra sua função de empresa pública e estatal, e ajude o país a sair da crise. Uma das formas de fazer isso seria fornecendo gás de cozinha a preços mais baratos e botijões gratuitos para as populações mais carentes.

Solidariedade: Sindipetro/MG doa vale gás de cozinha no 1º de maio