Covid-19: Sindipetro/MG aciona parlamentares para fiscalização da Regap Covid-19: Sindipetro/MG aciona parlamentares para fiscalização da Regap

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 9 de julho de 2020

A diretoria do Sindipetro/MG acionou, esta semana, deputados estaduais para solicitar a fiscalização da Refinaria Gabriel Passos (Regap). A solicitação foi feita por meio do Grupo de Trabalho criado dentro da diretoria para encaminhar assuntos relacionados à Covid-19.

De acordo com o coordenador Alexandre Finamori, a cada dia aumenta o número de casos positivos para COVID-19 dentro da unidade.

“Na semana passada o Sindipetro denunciou a situação ao EOR, grupo responsável por acompanhar a situação da pandemia na empresa. Denunciamos que a gerência local não cumpriu a quarentena dos trabalhadores que tiveram contato com um funcionário contaminado. O EOR recebeu a denúncia e procurou a gestão da Regap, mas esta negou a situação. Por isso, acionamos os parlamentares”, afirma o coordenador.

Histórico

Desde o início das contaminações em massa pelo coronavirus, o Sindipetro/MG cobra da gerência Regap medidas para proteger os trabalhadores e transparência em relação ao número de contaminados.

A gerência, no entanto, segue a mesma linha da gestão nacional e do Governo Bolsonaro, omite os números e trata a pandemia com negligência, colocando a vida dos trabalhadores em risco.

O resultado é o aumento dos casos positivos para Coronavírus tanto na Petrobrás quanto no país todo. Atualmente, o Brasil é o segundo país no ranking mundial de contaminação, com aproximadamente dois milhões de contaminados, sendo um dos epicentros da pandemia.

Para garantir as normas de segurança e proteger petroleiros e petroleiras, o Sindipetro já entrou com ações no Ministério Público do Trabalho e no Tribunal Regional do Trabalho.

Como resultado da pressão da categoria, a Regap passou a adotar testes rápidos para detectar contaminação. A medida foi tomada após seguidas denúncias do Sindipetro/MG e da FUP sobre a negligência da gestão Castello Branco em relação à prevenção ao vírus.

Além disso, o Sindicato criou a campanha Petroleiros Pela Vida para prestar solidariedade à população mais pobre que sofre com a pandemia e a crise econômica.