Categoria mineira rejeita contraproposta da empresa e apoia prorrogação do atual ACT Categoria mineira rejeita contraproposta da empresa e apoia prorrogação do atual ACT

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 18 de agosto de 2020

A categoria petroleira de Minas Gerais rejeitou a contraproposta da Petrobrás e se mostrou convicta da necessidade da prorrogação do Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) até o final do estado de calamidade pública e a celebração do novo ACT.

A contraproposta foi rejeitada por 98% da categoria em Minas, sendo que 100% dos trabalhadores são favoráveis a prorrogação do atual ACT.

Para o coordenador Alexandre Finamori, a categoria mineira, assim como a de todo o Brasil, deu o recado.

“É momento de cuidar da vida, pensar no país e abastecer a sociedade de serviços essenciais, e não se preocupar em aumentar o lucro de acionistas e retirar diretos de quem realmente produz”, afirma o coordenador.

“Nós trabalhadores e trabalhadoras da Petrobras seguiremos lutando em defesa de nossos direitos e principalmente lutando em defesa da Petrobras, contra as privatizações e contra esse desmonte da gestão Castelo Branco e Paulo Guedes”, defende o coordenador do Sindicato.

Confira o resultado:
PAUTA 01: Favoráveis a rejeição da Contraproposta da empresa:
– Favoráveis = 98%
– Contrários = 0,6%
– Abstenções = 1,4%

PAUTA 02: Prorrogação/renovação do atual ACT até o final do estado de calamidade pública causado pela pandemia e até a celebração do novo ACT:
– Favoráveis = 100%
– Contrários = 0%
– Abstenções = 0%

Categoria mineira rejeita contraproposta da empresa e apoia prorrogação do atual ACT