Campanha Petrobrás Fica em Minas inicia com apoio da sociedade civil e parlamentares Campanha Petrobrás Fica em Minas inicia com apoio da sociedade civil e parlamentares

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 22 de setembro de 2020

A Campanha Petrobras Fica em Minas estreou bem em terras mineiras. A live de lançamento da plataforma no estado, realizada na noite de segunda-feira, dia 21, contou com a participação de diversos setores da sociedade.

Realizada pelo Comitê Mineiro em Defesa do Sistema Petrobrás, a campanha tem como próximo passo ganhar engajamento no estado. Uma das ações propostas nesse sentido, foi a projeção de imagens da campanha em um prédio público de Belo Horizonte, atraindo a atenção dos moradores da capital.

Na internet, já estão disponíveis no Facebook, Instagram e Twitter o perfil Petrobras Fica em Minas.

O diretor do Sindipetro/MG e integrante do Comitê Mineiro em Defesa do Sistema Petrobras, Guilherme Alves, ressalta a importância da participação do petroleiro e da petroleira nesse processo.

“O balanço do lançamento é positivo. Foi possível trazer para o conhecimento da categoria e da sociedade os prejuízos que podem ser causados pela venda de ativos da Petrobrás. É preciso ressaltar também que os trabalhadores podem se engajar nessa campanha compartilhando post nas redes sociais, com a família e os amigos, para que todos saibam o que está acontecendo”, afirma o diretor.

Apoio
Participaram do evento virtual de lançamento, a Frente Parlamentar Mista em Defesa da Petrobrás do Congresso Nacional, por meio do deputado federal Rogério Correia, a Frente Parlamentar Mineira em Defesa da Petrobrás da ALMG, representada pela deputada estadual Beatriz Cerqueira; o engenheiro Guilherme Alves, pelo Comitê Mineiro em Defesa do Sistema Petrobrás; Alexandre Finamori, pelo Sindipetro/MG; Tadeu Porto, da Federação Única dos Petroleiros (FUP); Jairo Nogueira, da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Aldiério Florêncio, da Central Sindical e Popular Conlutas, da Central dos Trabalhadores e Trabalhas do Brasil (CTB); Sôniamara Maranho, do Movimento de Atingidos por Barragens (MAB) e Paulinha Silva da União Nacional dos Estudantes (UNE).

 

Campanha Petrobrás Fica em Minas inicia com apoio da sociedade civil e parlamentares