Sindipetro/MG adiamento ou extensão da parada de manutenção Sindipetro/MG adiamento ou extensão da parada de manutenção

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 13 de janeiro de 2021

O Sindicato dos Petroleiros de Minas Gerais (Sindipetro/MG) enviou ofício nesta terça-feira, 12, para a gerência geral da Refinaria Gabriel Passos (Regap) solicitando que a data de início da Parada de Manutenção seja reavaliada e adiada para uma data em que haja maior segurança frente à pandemia.

A requisição se deve ao aumento do número de infectados e mortos por COVID-19 no Brasil. Em Belo Horizonte, por exemplo, o número de mortes já chega próximo aos 2 mil e a taxa de ocupação de UTIs está superior à 85%. Já em Betim, onde fica a Refinaria, houve aumento de 70% nos casos suspeitos de reinfecção e 330 mortos.

Para piorar a situação, ainda não há por parte dos governos federal e estadual um plano para conter a chamada segunda onda da pandemia.

Assim, se o adiamento não for atendido, a entidade pede que seja “justificada a inviabilidade segundo às demandas operacionais e que seja, portanto, estendido o período de duração da Parada para que se mantenha um número adequado de trabalhadores por turno na REGAP”.

Riscos
A entidade alerta que uma grande manutenção como essa, sem os devidos cuidados de isolamento para evitar aglomerações, pode expor os trabalhadores ao contágio por coronavírus.

Embora o Sindipetro/MG reconheça a importância da realização das paradas de manutenção, a entidade destaca que medidas de segurança são necessárias para evitar o contágio e proteger trabalhadores e suas famílias.

Abaixo, leia a íntegra documento enviado.

Ofício 006.2021 – Adiamento Paradas de Manutenção – REGAP