Sindicato suspende setoriais presenciais e denuncia surto de Covid-19 na Regap Sindicato suspende setoriais presenciais e denuncia surto de Covid-19 na Regap

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 13 de março de 2021

Diante do cenário de aumento da taxa de transmissão da Covid-19 e da situação crítica da disponibilidade de leitos na região metropolitana de Belo Horizonte, a diretoria do Sindipetro/MG decidiu pela suspensão temporária das reuniões setorizadas presenciais com os trabalhadores da Refinaria Gabriel Passos (Regap). 

O Sindicato está acompanhando o cenário crítico envolvendo a Parada de Manutenção na Regap, diante do aumento do número de pessoas circulando nas unidades e do surto de casos confirmados, entre próprios e terceirizados. Em reunião de negociação com a empresa na última sexta-feira, a diretoria do Sindipetro/MG cobrou urgência nas respostas sobre a pauta de reivindicação da categoria, especialmente quanto à falta de condições seguras para realização da Parada no pior momento da pandemia em Minas e no Brasil.

“Como manter condições seguras em uma Parada de Manutenção com o aumento de mais de 2 mil pessoas circulando na refinaria? Já temos mais de 15 casos confirmados na operação e alguns deles estão tendo dificuldade para conseguir se internar. Recebemos denúncias de dezenas de terceirizados infectados, o que comprova que a Regap já vive um surto de contaminação do Coronavírus. O Sindicato não irá aceitar que a gestão da Petrobrás coloque a vida da categoria em risco.” – denuncia Alexandre Finamori, coordenador do Sindipetro/MG.