FUP reúne-se segunda, 26, com a Petrobrás para cobrar pagamento dos níveis FUP reúne-se segunda, 26, com a Petrobrás para cobrar pagamento dos níveis

Diversos, Notícias | 22 de maio de 2014

A FUP reúne-se com a Petrobrás segunda-feira, 26, para exigir da empresa um posicionamento sobre a extensão e pagamento para todos os aposentados e pensionistas dos níveis salariais concedidos aos trabalhadores da ativa, em 2004, 2005 e 2006. Essa foi uma das conquistas do atual Acordo Coletivo, que está beneficiando de imediato cerca de três mil aposentados e pensionistas do Plano Petros, cujas ações já foram transitadas em julgado e estão em fase de execução.

No entanto, ainda existem aproximadamente outras 7 mil ações na Justiça de Trabalho, em que cerca de 18 mil assistidos do Plano Petros pleiteiam a equiparação dos níveis recebidos pela ativa e outras 1.235 ações que foram indeferidas pela Justiça, envolvendo 3.500 aposentados e pensionistas.  Além disso, cerca de 19 mil assistidos do Plano Petros não têm ação judicial, mas esperam também ser contemplados pela isonomia.

É bom lembrar que na campanha reivindicatória, a FUP cobrou a extensão dos níveis para todos os assistidos do Plano Petros e a Petrobrás, através da cláusula 181, se comprometeu a apresentar no prazo de 180 dias, após a assinatura do ACT, uma proposta para resolver a situação daqueles cujas ações não transitaram em julgado, bem como dos aposentados e pensionistas que não recorreram à Justiça.

Esse prazo terminou no dia 28 de abril e até agora a empresa não respondeu a categoria, apesar das constantes cobranças feitas pela FUP.  Os aposentados e pensionistas exigem uma solução definitiva para esse impasse e não permitirão que os gestores da Petrobrás continuem de enrolação.

FUP

FUP reúne-se segunda, 26, com a Petrobrás para cobrar pagamento dos níveis