Trabalhadores protestam contra o PL 4330 em diversas cidades do RS Trabalhadores protestam contra o PL 4330 em diversas cidades do RS

Diversos, Notícias | 15 de abril de 2015

Confira as manifestações chamadas pelos sindicatos em várias regiões do Rio Grande do Sul. As atividades integram o Dia Nacional de Luta contra a Terceirização, chamado pelas centrais sindicais e movimentos sociais com o objetivo de alertar a sociedade os perigos que a classe trabalhadora corre com a aprovação do PL 4330/04.

Canoas – O Sindicato dos Metalúrgicos de Canoas e Nova Santa Rita realizou assembleia em frente à MWM e à AGCO, em Canoas, conscientizando os trabalhadores sobre os perigos da precarização do trabalho.

Gravataí – Professores municipais realizaram uma assembleia geral na praça em frente à Prefeitura.

 Sapiranga – A Federação Democrática dos Sapateiros do RS organizou uma manifestação em frente a empresa Beira Rio. Os diretores sindicais informaram os trabalhadores sobre o prejuízo que o PL representa para a sociedade. De acordo com o presidente da Federação, João Batista Xavier da Silva, essa manifestação é um recado contra o que está acontecendo no Congresso. “Caso os direitos não sejam respeitados, os trabalhadores de todo o Brasil irão paralisar a produção”, disse. Após, houve uma caminhada até a prefeitura.

Santa Cruz do Sul – A mobilização aconteceu na Praça Getúlio Vargas e teve a participação dos bancários, metalúrgicos , comerciários e professores.

Passo Fundo  – O transporte público está parado. Às 7h houve uma atividade em frente à empresa Semeato. Às 10h, foi realizada uma aula pública na Escola Cecília Costa, seguido de um grande ato na esquina democrática  do município. Na parte da tarde, haverá  panfletagem na UPF.

Pelotas – há 27 escolas estaduais aderiram à paralisação, assim como as empresas de ônibus municipais. Foi realizado um grande café da manhã no centro da cidade para fechar o comércio. A empresa  Embaixador, que realiza a linha Pelotas – Porto Alegre não está operando hoje. Ao meio dia acontece um ato de encerramento no chafariz da Praça Central.

Santa Maria – Os movimentos sociais lutando contra as perdas dos direitos trabalhistas, contra o PL 4330 – terceirização, convocaram uma atividade para às 17h, na Praça Saldanha Marinho, onde haverá um diálogo com a população, explicando o quanto é nefasto este projeto.

Ijuí – Na parte da manhã, os sindicatos e movimentos sociais realizaram uma panfletagem. Durante a tarde os dirigentes visitarão os estúdios de rádio e TV da região para falar sobre a terceirização. Às 17h, haverá o ato de encerramento na Praça da República.

Rio Grande –  Panfletagem nas fábricas da região. Sindicatos mobilizados em suas bases com inserções em programas de rádio e TV. Às 17h, acontece o ato de encerramento no Largo Pio.

Santana do Livramento – houve ato em frente ao Departamento de Água Municipal, das 7h30 às 9h30. Às 10h ocuparam o espaço na Tribuna da Câmara de Vereadores e a partir do meio dia, acontece uma panfletagem na esquina Democrática.

Região das Missões – Agências bancárias fechadas até às 12h e aconteceram atividades nas portas de fábricas durante a manhã.

Porto Alegre – Ônibus da Carris não estão circulando. Trensurb paralisou as atividades. O SEMAPI realizou uma panfletagem em frente à FASE. O SINTTEL se reuniu em assembleia com os trabalhadores da OI, em frente à empresa. O Sindiágua está em  assembleia com sua categoria desde às 10h, no salão da Igreja Pompéia.

O SINDIPETRO paralisou as atividades durante a manhã. O SINDIPOLO realizou ato no Polo Petroquímico, em Triunfo.

CUT-RS

Trabalhadores protestam contra o PL 4330 em diversas cidades do RS