Coronavírus: informe-se sobre a cobertura da AMS para casos suspeitos Coronavírus: informe-se sobre a cobertura da AMS para casos suspeitos

Diversos, Notícias, Tribuna Livre | 19 de março de 2020

A Assistência Multidisciplinar de Saúde (AMS) passou a oferecer cobertura para o exame “pesquisa por RT – PCR”, indicado para diagnóstico definitivo por infecção pelo coronavírus, seguindo as Diretrizes de Utilização da Agência Nacional de Saúde (ANS) e orientações do Ministério da Saúde, desde o dia 13 de março.

De acordo com a orientação da AMS, o exame deverá ser realizado somente em casos suspeitos e nos estabelecimentos da rede credenciada da AMS, não sendo possível o reembolso do exame pela modalidade Livre Escolha.

Casos considerados suspeitos:
Conforme definição do Ministério da Saúde são considerados casos suspeitos aqueles que apresentarem febre acima de 37,8º acompanhada de problemas respiratórios (tosse seca, dor de garganta e dificuldade para respirar). Além disso, precisam se enquadrar dentro de uma das seguintes situações:
1 – Viagens internacionais nos 14 dias anteriores ao aparecimento dos sinais ou sintomas;
2 – Contato próximo com caso suspeito de coronavírus nos 14 dias anteriores ao aparecimento dos sinais ou sintomas;
3 – Contato próximo com caso de coronavírus confirmado em exame laboratorial nos 14 dias anteriores ao aparecimento dos sinais ou sintomas.
Por contato próximo, entende-se:
– Estar a menos de 2 metros por um período superior a 15 minutos, não utilizando equipamentos de proteção individual. O contato próximo pode incluir cuidar, morar, visitar, trabalhar ou compartilhar uma área ou sala de espera;
– Ter contato direto com secreções sem o uso de equipamentos de proteção individual recomendados.

Mudanças

Abaixo, medidas foram tomadas em relação aos serviços:

  1. Alteração de prazos dos serviços e de atendimento e suspensão de alguns programas. Acesse aqui o Catálogo de Serviços da AMS e consulte os novos prazos.
  2. Suspensão do atendimento presencial e redução do atendimento da Central de Relacionamento para o Benefício Farmácia, que funcionará de segunda a sexta, das 9h às 16h (0800 287 2267  -> opção 1 -> opção 2).
  3. Credenciamento o serviço de telemedicina do Hospital Albert Einstein.
  4. Cobertura do teleatendimento para a rede credenciada, para psicólogos e médicos, nas especialidades clínica geral, geriatria, pediatria, pneumologia, infectologia, obstetrícia e psiquiatria. Clique aqui e saiba mais informações.
  5. Implementação do canal de atendimento telefônico com profissionais de saúde da AMS, para orientações em caso de emergência: 0800 287 2267 -> opção 1, subopção 4
  6. Implementação  de canal de atendimento com informações sobre Covid-19, o WhatsApp: (11) 96474-0011, opção 6.

Serviço de telemedicina

A AMS Petrobras  passa a oferecer esta modalidade de atenção à saúde do Hospital Einstein. O serviço de teleatendimento estará disponível para beneficiários da AMS Petrobras a partir de 23 de março (segunda-feira), com início imediato para titulares acima de 70 anos e expansão gradual para todas as idades dos demais titulares e dependentes. A previsão é que o atendimento a todas as faixas etárias ocorra até 25 de março. A nova medida visa proteger a saúde de médicos e pacientes no atual contexto de pandemia pelo  coronavírus (Covid-19).

Para acessar o serviço de consultas médicas realizadas por meio de videoconferência, o beneficiário deve acessar o site ou aplicativo Einstein Conecta. O atendimento com clínicos gerais está disponível 24 horas e com pediatras das 10h às 22h, 7 dias por semana. O contrato prevê atendimentos de urgência de baixa complexidade para pacientes com sintomas de gripe ou resfriado, que podem corresponder aos de  Covid-19: febre; dor de cabeça, garganta ou ouvido; dor lombar; dor ou infecção nos olhos; desconforto abdominal; náusea e vômitos; dificuldades respiratórias.

Informações da AMS. ams.petrobras.com.br/

Coronavírus: informe-se sobre a cobertura da AMS para casos suspeitos